BONI - José Bonifácio de Oliveira Sobrinho


Profissional de televisão paulista. Executivo da Rede Globo por 30 anos, é um dos responsáveis pela criação do Padrão Globo de Qualidade. José Bonifácio de Oliveira Sobrinho (30/11/1935-), conhecido como Boni, nasce em Osasco. Com 14 anos, já morando no Rio de Janeiro, é apresentado ao dramaturgo Dias Gomes, que na época dirige a Rádio Clube do Brasil. A conselho de Gomes, Boni faz cursos de especialização e começa a trabalhar como locutor e redator. Estréia na televisão aos 17 anos, quando se transfere para a TV Tupi. Dois anos depois troca a Tupi pela TV Paulista, onde assume o cargo de assistente de direção artística. No final dos anos 50 atua como publicitário, período em que cria jingles comerciais como o famoso Varig, Varig, Varig. Em 1967, transfere-se para a Globo com poderes plenos no controle de qualidade da TV. Gradativamente, estabelece um modelo de televisão que busca a qualidade e ficou conhecido como "padrão Globo" e leva a rede a transformar-se na maior do país. Em novembro de 1997, depois de 30 anos na empresa, Boni começa a ser afastado do centro das decisões ao perder o cargo de vice-presidente de Operações. A sucessão no grupo estava em curso, e os filhos de Roberto Marinho, ao assumir o controle dos negócios, decidem mudar a estrutura centralizada de comando da televisão. Em seu novo posto, a vice-presidência de Coordenação Estratégica, Boni já não tem poder sobre a programação. Oito meses depois, faz um acordo e torna-se apenas consultor. Em 2000, organiza livro sobre 50 anos de história da TV brasileira com o título 50/50. Em 2003 inaugura sua própria emissora, a TV Vanguarda, afiliada da Rede Globo em Taubaté, interior de São Paulo, afirmando que o futuro da televisão está na regionalização de sua programação.





tags:
publicado por LUCIANO às 09:31