LENIN


Revolucionário e estadista russo (22/4/1870-21/1/1924). Vladímir Ilitch Uliánov nasce em Sibirsk, atual Ulianovsk. Em 1887, seu irmão mais velho é executado por participar de um golpe contra o czar Alexandre III. Em 1891 forma-se em direito e, dois anos depois, muda-se para São Petersburgo, onde adota idéias marxistas, dedicando-se à propaganda do comunismo nos bairros proletários. Em 1895 é preso e deportado para a Sibéria. Cumprida a pena, parte com a esposa para a Suíça, em 1900, onde lança o jornal Iskra (A Centelha), sob o pseudônimo Lênin. Em 1902 funda no exterior o Partido Operário Social-Democrata Russo (POSDR), que logo se divide em duas facções: a dos bolcheviques, liderados por Lênin, que defendem a revolução imediata; e a dos mencheviques, favoráveis a uma revolução gradual, mediante reformas. Na Rússia, a insatisfação com a I Guerra Mundial alcança o auge em fevereiro de 1917 e dá início à Revolução Russa. Quando o czar Nicolau II abdica, Lênin retorna ao país e lidera a oposição ao governo do socialista moderado Aleksandr Kerenski, até tomar o poder, em setembro. Dá aos camponeses o direito de explorar a terra, transfere o controle das fábricas aos operários e nacionaliza os bancos. Em 1921 institui a Nova Política Econômica (NEP), permitindo a criação de empresas privadas sob a supervisão do Estado. Em 1922 forma a União Soviética. Em 1923 sofre um derrame que o deixa paralítico. Morre no ano seguinte.



tags:
publicado por LUCIANO às 19:27