Toni Morrison


Pseudônimo da escritora norte-americana Chloe Wofford (18/2/1931-). Prêmio Nobel de Literatura de 1993, retrata em sua obra o ponto de vista e as experiências cotidianas das mulheres negras. Chloe Anthony Wofford nasce na cidade de Lorain, no estado de Ohio. Filha de uma família pobre, passa privações nos primeiros anos de vida em virtude da Grande Depressão. Estuda teatro na Universidade de Howard e letras na Universidade de Cornell, em Nova York. Depois de formada, faz carreira universitária como professora de inglês. Ganha a vida como editora de livros de ficção a partir de 1965, até publicar seu primeiro trabalho, O Mais Azul dos Olhos, em 1970. O romance conta o drama de uma jovem negra obcecada pela beleza branca, que se martiriza por não ter olhos azuis. Escreve outros livros bem recebidos pela crítica e pelo público norte-americano, como Canção de Salomon (1977). Em Tar Baby (1981) explora os conflitos de raça, classe e sexo em uma ilha do Caribe. Seis anos depois, ganha o Prêmio Pulitzer com Amada, baseado em uma história real; é a primeira mulher negra a ganhar esse prêmio e também o Nobel de Literatura, em 1993. Em 1998, o livro Amada é transformado no filme A Bem Amada, com direção de Jonathan Demme e Oprah Winfrey e tendo no elenco Danny Glover. É também professora da Princeton University Humanities, instituição da qual recebe, em 2000, a National Humanities Medalist em reconhecimento por suas contribuições para a cultura americana. Seu mais recente trabalho é o romance Love, de 2003.

publicado por LUCIANO às 04:57