Péricles Maranhão


Cartunista pernambucano. Criador do mais famoso personagem de quadrinhos do país dos anos 40 e 50, O Amigo da Onça.Péricles de Andrade Maranhão (14/08/1924-31/12/1961) nasce no Recife, no bairro do Espinheiro. Começa a desenhar ainda criança, publicando suas primeiras histórias na revista do Colégio Marista, onde estuda. No início da década de 40 é convidado para trabalhar no Diário de Pernambuco, no qual permanece por pouco tempo. O editor do jornal, Aníbal Fernandes, sugere que o cartunista tente carreira nos Diários Associados, no Rio de Janeiro, a maior empresa jornalística da época. Em junho de 1942 apresenta-se na redação com uma carta de Fernandes e consegue o emprego. No mesmo ano publica algumas histórias na revista O Guri e no jornal Diário da Noite, ambos dos Diários Associados, e cria seu primeiro personagem, Oliveira, O Trapalhão. Também colabora nas revistas O Cruzeiro e Pif-Paf, na qual ilustra textos de Millôr Fernandes. Em 1943, a direção de O Cruzeiro decide criar um personagem fixo, O Amigo da Onça, cujo nome é tirado de uma anedota. Péricles é convidado a criar o perfil e a desenhar as piadas para o personagem, que se transforma no tipo mais popular da época. As histórias, com ácidas críticas de costumes, publicadas a partir de 23 de outubro de 1943, tornam-se um sucesso de público e crítica. Apesar de muito popular, Péricles passa constantemente por momentos de depressão. Em 31 de dezembro de 1961 suicida-se em seu apartamento, no Rio de Janeiro. A última tira de O Amigo da Onça, entretanto, é publicada em 3 de fevereiro de 1962.



publicado por LUCIANO às 12:48