Max Weber


Sociólogo e economista alemão (21/4/1864-14/6/1920). Teórico das ciências sociais e autor do estudo sobre a ética protestante e o espírito do capitalismo. Nasce em Erfurt, filho de um deputado liberal da Câmara Prussiana, rico industrial da área têxtil. Estuda direito em Heidelberg e economia em Berlim. Começa a lecionar economia na Universidade de Freiburg em 1893, mas é obrigado a se afastar três anos depois em virtude de um sério colapso nervoso. Volta a dar aulas somente em 1917, mesmo assim por breve período, na Universidade de Viena. Crises nervosas recorrentes abalam sua saúde e ele acaba por deixar a cátedra. A herança paterna lhe permite manter-se e escrever livros no decorrer da vida. Sua obra mais célebre, A Ética Protestante e o Espírito do Capitalismo, de 1905, em que analisa a religião calvinista como alicerce fundamental para o desenvolvimento do capitalismo, exerce profunda influência sobre a sociologia do século XX. Escreve também Estudos Reunidos sobre a Sociologia da Religião (1922) e História Econômica Geral (1923), entre outros trabalhos que analisam o papel das idéias filosóficas e religiosas no desenvolvimento econômico das sociedades.



tags:
publicado por LUCIANO às 12:36