William Faulkner


Escritor norte-americano (25/9/1897-6/7/1962). Nascido em New Albany, William Cuthberth Faulkner renova a prosa norte-americana com sofisticadas experiências técnicas em seus textos. A maioria de seus romances tem como cenário o imaginário Condado de Yoknapatawpha, no sul dos EUA. Sua obra reflete o desmoronamento do universo familiar e social de brancos e negros causado pela Guerra Civil Americana (1861-1865). Para ele, a fonte do mal é a escravidão, que teria afastado o homem da natureza. Vive até os 13 anos no Mississippi. Durante a I Guerra Mundial, por espírito de aventura, inscreve-se na aviação canadense e é enviado a Toronto. Não sai do Canadá, mas jamais desmente a lenda de que teria participado de ações militares na Europa. Entra para a universidade em 1919, mas é reprovado em inglês e abandona o curso no ano seguinte. Trabalha como piloto, pintor de paredes e carteiro e, em 1924, publica o livro de poesias O Fauno de Mármore. Dois anos depois sai seu primeiro romance, Soldo de Soldado. Sua obra-prima, O Som e a Fúria, é publicada em 1929. Recebe o Prêmio Nobel de Literatura em 1949. Escreve ainda Santuário (1932), Absalom! Absalom! (1936) e Desça, Moisés (1942). Morre em Oxford, no Mississippi.


publicado por LUCIANO às 15:30