ÉDER JOFRE


Pugilista paulista. Bicampeão mundial de boxe nas categorias peso-galo e peso-pena. Considerado o melhor lutador peso-galo da história do boxe mundial. Éder Jofre (26/3/1936-) nasce no centro da cidade de São Paulo. Filho de um pugilista amador e técnico de boxe argentino, passa a infância e a adolescência na academia do pai, nos fundos da casa. Estuda até o ginásio e ingressa no curso técnico de edificações, desistindo em seguida. Começa a competir como amador aos 16 anos, enquanto trabalha como chaveiro em um estabelecimento da família e como desenhista de decoração. Em 1956, participa das Olimpíadas de Melbourne (Austrália). Profissionaliza-se aos 21 anos, sempre treinado pelo pai. Em 1960, aos 24, ganha o título mundial da categoria peso-galo do Conselho Mundial de Boxe (CMB) ao vencer o mexicano Eloy Sanches, em Los Angeles, nos Estados Unidos. Defende o título sete vezes e vence todas as lutas por nocaute, até perder por pontos para o japonês Masahiko Harada, em 1965. Em 1969, volta a lutar como peso-pena e torna-se campeão mundial em 1973, ao vencer por pontos José Legra, cubano naturalizado espanhol. Abandona o boxe profissional em 1976, após 81 lutas e 75 vitórias, das quais 53 por nocaute. É conhecido como O Galo de Ouro e considerado o melhor lutador peso-galo da história do boxe pelo CMB e também pela Associação Mundial (AMB). Em 1982, elege-se vereador em São Paulo pelo Partido Democrático Social (PDS). Reeleito em 1988, transfere-se para o Partido da Social Democracia Brasileira em 1989. Reelege-se em 1992, fica como primeiro suplente em 1996 e, em 2000, assume mais um mandato.




publicado por LUCIANO às 20:14