DAVID GRIFFITH


Cineasta norte-americano (22/1/1875-23/7/1948), realizador do primeiro longa-metragem produzido nos Estados Unidos (EUA), Nascimento de uma Nação (1915). David Wark Griffith nasce em La Grange, Kentucky, filho de um coronel sulista arruinado pela Guerra Civil Americana. Trabalha como balconista e jornalista antes de ingressar no cinema. Admirador do escritor Edgar Allan Poe, também escreve poesias. Começa a dirigir filmes em 1908. Realiza os dois clássicos iniciais do cinema norte-americano. O primeiro, Nascimento de uma Nação, inventa a linguagem cinematográfica com o uso do close dramático, do suspense e dos movimentos de câmera. O filme mostra a Guerra Civil Americana de um ponto de vista favorável ao sul. Griffith exalta a Ku Klux Klan e condena as manobras de negros aliados a políticos brancos. O filme é tão criticado pelo público que, em algumas cidades, há conflitos durante a projeção. O segundo trabalho mais importante, Intolerância (1916), é uma ousada experiência de montagem de histórias paralelas. Com um custo de 2 milhões de dólares, anormal para a época, transforma-se em um desastre financeiro do qual Griffith leva vários anos para se recuperar. Em 1919, o cineasta funda a United Artists, produtora e distribuidora de filmes, com os atores Charles Chaplin, Mary Pickford e Douglas Fairbanks. Dirige mais de 300 filmes, mas apenas alguns fazem sucesso.



publicado por LUCIANO às 06:59