LUIZA ERUNDINA


Política paraibana com atuação em São Paulo. Deputada federal pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB). Luiza Erundina de Sousa (30/11/1934-) nasce em Uiraúna, no sertão da Paraíba. É a sétima de dez filhos de um artesão de selas e arreios de couro. Começa a trabalhar ainda na infância, vendendo bolos feitos pela mãe. Repete a 5ª série duas vezes para não parar de estudar, uma vez que a cidade não tinha curso ginasial. Vai morar em Patos com uma tia, em 1948, para cursar o ginásio. Forma-se em assistência social na Universidade Federal da Paraíba, em João Pessoa, no ano de1967, e segue para São Paulo em 1971 para fazer mestrado na Escola de Sociologia e Política. É aprovada em concurso para a Secretaria do Bem-Estar Social da prefeitura paulistana e, logo depois, passa a trabalhar com movimentos de periferia que reivindicam moradia e ocupam terrenos públicos abandonados. É uma das fundadoras do Partido dos Trabalhadores (PT), em 1980, pelo qual se elege vereadora em 1982 e deputada estadual em 1986. Chega à prefeitura da cidade em 1988 e dá prioridade à melhoria da assistência à saúde, à educação e ao transporte da população. Em 1993, assume o Ministério da Administração Federal do governo Itamar Franco e entra em crise com seu partido. Em 1996, perde para Celso Pitta nas eleições para a prefeitura de São Paulo. As críticas de várias correntes do PT a sua campanha aprofundam a crise, e ela deixa o partido em 1997. Em 1998, elege-se deputada federal pelo PSB. Candidata-se novamente à prefeitura de São Paulo em 2000 e perde a eleição para a antiga correligionária no PT a ex-deputada federal Marta Suplicy. Em 2002 reelege-se deputada federal. Em 2004 tenta, pela terceira vez, voltar à prefeitura de São Paulo, sem sucesso.


publicado por LUCIANO às 05:45