Wolfgang Amadeus Mozart


Compositor austríaco (27/1/1756-5/12/1791). É considerado um dos mais importantes compositores de todos os tempos. Nasce em Salzburgo e, aos 3 anos, revela aptidão musical. Estuda cravo com o pai e compõe a partir dos 6 anos, quando visita diversos países para exibir seu talento ao piano. Aos 10 anos compõe os primeiros oratórios e uma ópera cômica. Com 16, tem 135 obras escritas. Em 1781 fixa-se em Viena. Vive em dificuldades até 1787, quando passa a receber pensão como compositor da Corte. No mesmo ano viaja a Praga, onde sua ópera Don Giovanni alcança grande sucesso. Volta a Viena e compõe A Flauta Mágica, no ano de sua morte, aos 35 anos. Acredita-se que tenha sido causada por uma febre inflamatória reumática. Deixa mais de 600 obras, entre óperas, missas, canções, árias, corais, concertos, sonatas e quartetos de cordas. Numerosa, a produção musical de Mozart é enquadrada no período clássico, pelo rigor formal com que foi construída. Não é tecnicamente inovadora, mas poucos tiveram tantas composições consideradas obras-primas pelos críticos, como Eine Kleine Nachtmusik, Bodas de Fígaro e a Missa de Réquiem, sua última obra, completada por um discípulo.


publicado por LUCIANO às 17:05