FERNÃO DE MAGALHÃES


Navegador português (1480?-27/4/1521). Nasce em Sabrosa, na região de Trás-os-Montes. No início do século XVI participa de expedições destinadas a expandir os domínios coloniais de seu país. Em 1515 desentende-se com o rei Manuel I por causa de seus vencimentos e oferece seus serviços à Espanha, governada pelo rei Carlos I. Pelo Tratado de Tordesilhas, a Espanha tem direito às terras localizadas na costa oeste da América. É preciso, então, descobrir no novo continente uma passagem do Oceano Atlântico para o Pacífico. Com esse objetivo, Magalhães parte de Cádiz em setembro de 1519, no comando de cinco naus. A viagem é atribulada, e ele enfrenta, em agosto de 1520, um motim tão sério que decide executar um dos capitães e abandonar outro à sua própria sorte. Em novembro, apenas três embarcações ultrapassam, no extremo sul da América, o estreito que depois recebe o nome do navegador e iniciam a travessia do oceano batizado por ele de Pacífico. Com a tripulação dizimada pelo escorbuto, sem água e quase sem provisões, Magalhães passa por várias ilhas antes de aportar nas Marianas, no arquipélago das Filipinas, 99 dias após o último desembarque em terra firme. Dois meses depois, morre em combate com nativos na mesma região. A primeira viagem de circunavegação do mundo é completada por um de seus capitães, Juan Sebastián Elcano, na única nau remanescente, que chega ao porto espanhol de Sevilha em 8 de setembro de 1522.



publicado por LUCIANO às 20:45