JOHN KEATS


Poeta inglês (31/10/1795-23/2/1821). Considerado um dos maiores nomes do romantismo na Inglaterra. Sua obra oscila entre as freqüentes referências à morte e um intenso sentimento de prazer com a vida. Influenciado pelos poetas gregos do período helênico, como Homero, bem como pelos poetas elizabetanos do século XVI, persegue a perfeição estética. Sua poesia é marcada por sentimentalismo romântico, imagens vibrantes, de grande apelo sensual, e expressão de aspectos da filosofia clássica. Nascido em Londres, fica órfão na infância e é criado em Edmonton por um tutor, que o transforma em aprendiz de cirurgião. Volta em 1814 para Londres, onde trabalha como assistente de cirurgia em dois hospitais. Em 1817 decide abandonar a medicina para se dedicar à poesia. No mesmo ano publica o primeiro livro, Poems, marcado por imagens ultra-românticas, mas não obtém sucesso. Em 1818 lança Endymion e inicia a produção de seu maior poema, Hyperion, que não chega a concluir por causa dos primeiros sinais de tuberculose. Só obtém reconhecimento após a morte, ocorrida em Roma, quando está com apenas 26 anos.



publicado por LUCIANO às 20:05