FRANCIS HARRY COMPTON CRICK


Biofísico inglês (8/6/1916-28/7/2004). Um dos autores de uma das mais importantes descobertas científicas do século XX: a determinação da estrutura molecular do DNA. Nasce em Northamptonshire, ao norte da Inglaterra. Físico por formação, trabalha no desenvolvimento de minas magnéticas para uso naval durante a II Guerra Mundial. Em 1947, começa suas pesquisas em biologia no laboratório da Universidade de Cambridge. Em 1951, já sabe que o DNA tem papel fundamental na determinação hereditária de cada célula. Passa a investigar a estrutura tridimensional do DNA com os biólogos americanos James Watson e Maurice Wilkins. Usa difração de raios X para construir um modelo de duas cadeias helicoidais, ligadas horizontalmente por bases orgânicas. Em 1961, demonstra que cada grupo de três bases de um único DNA designa a posição de um aminoácido específico em moléculas de proteína. Em 1962, divide com Watson e Wilkins o Prêmio Nobel de Fisiologia e Medicina. Desde 1977, é professor no Salk Institute for Biological Studies, em San Diego, Califórnia. Publica Molecules and Men (As Moléculas e os Homens, 1966), Life Itself (A Própria Vida, 1981), What Mad Pursuit: A Personal View of Scientific Discovery (1988) e The Astonishing Hypothesis: The Scientific Search for the Soul (1994). Francis Crick morre na Califórnia, Estados Unidos, em conseqüência de câncer no cólon.



publicado por LUCIANO às 20:06