MEM DE SÁ

Administrador colonial português (1500?-2/3/1572). É o terceiro governador geral do Brasil. A pacificação de índios rebelados em várias capitanias e a expulsão dos franceses da Baía de Guanabara são seus feitos mais importantes. Nascido em Coimbra, forma-se em letras e torna-se desembargador da Casa de Suplicação de Lisboa.

É nomeado, em julho de 1556, governador geral. Em dezembro do ano seguinte chega à Bahia, sede do governo geral. Sua primeira providência é estabelecer a harmonia na colônia, abalada por desavenças entre colonos e jesuítas. Cuida também de acalmar os índios hostis, contando para isso com a ajuda dos padres Manuel da Nóbrega e José de Anchieta.

Em 1560 ataca os franceses estabelecidos na Baía de Guanabara, mas só consegue afugentá-los para o interior. Retorna à Guanabara em 1567, em socorro ao sobrinho, Estácio de Sá, que fora mandado para combater os invasores. Estácio havia fortificado o litoral, lançando as bases da cidade de São Sebastião do Rio de Janeiro.

Juntando forças, os dois expulsam os franceses. Mem de Sá morre em Salvador, já desejoso de deixar o governo geral para voltar para Portugal.

publicado por LUCIANO às 20:24