FRANÇOIS QUESNAY


Economista francês (4/6/1694-16/12/1774). Mentor da primeira escola de economia, conhecida como fisiocrata. Nasce em Méré, cidade próxima a Paris, e estuda medicina antes de se interessar por economia. Como médico, trabalha em um hospital de Nantes, como mestre de cirurgia, a partir dos 24 anos. Torna-se médico de Luís XV depois. Conhece os economistas de seu tempo e começa a escrever sobre o assunto por volta de 1756, quando passa a colaborar na Enciclopédia, organizada por Diderot. No ensaio Quadro Econômico, de 1758, analisa as relações entre as classes sociais pelo fluxo de pagamentos entre elas. A obra busca uma visão global do processo econômico e analisa a agricultura como o setor mais importante da produção. De acordo com o ensaio, a sociedade divide-se em três classes: a produtiva, de agricultores, a dos proprietários de terras e a dos comerciantes. Assim como os intelectuais do iluminismo, identifica na sociedade uma "ordem natural" que deve ser respeitada pelos governos. Com suas idéias sobre a necessidade do equilíbrio econômico e de investimentos em poupança de forma a manter saudável o fluxo de pagamentos, influencia teóricos do liberalismo econômico como Adam Smith e David Ricardo. Morre em Versalhes.



publicado por LUCIANO às 12:52