JEAN-BAPTISTE DEBRET


Pintor e desenhista francês. Autor de algumas das principais obras de documentação histórica do Brasil. Jean-Baptiste Debret (18/4/1768-11/6/1848) nasce em Paris. Começa os estudos de arte em 1785 na Academia de Belas Artes, na capital francesa. Posteriormente se torna professor de desenho na Escola Politécnica. Em 1798 expõe no Salão de Paris o quadro O General Messênico, premiado em segundo lugar. No Salão de 1805, seu quadro Napoleão Prestando Homenagem à Bravura Malsucedida recebe menção honrosa do Instituto da França e é comprado pela Assembléia Legislativa. A queda de Napoleão Bonaparte, em 1815, faz com que Debret seja isolado do meio artístico. Aceita, então, o convite de Joaquim Lebreton para integrar a missão francesa no Brasil, junto com Nicholas Taunay, Auguste Marie Taunay e Grandjean de Montigny, entre outros. Durante a estada no país realiza retratos da família real, quadros históricos e gravuras que mostram os costumes e os personagens do Rio de Janeiro na época de dom João VI. As pinturas Retrato de Dom João e Desembarque da Arquiduquesa Leopoldina e os esboços de Aclamação de Pedro I e Sagração de Pedro I estão entre as mais importantes contribuições iconográficas para a documentação histórica do país.


publicado por LUCIANO às 12:15