HERÓDOTO


Historiador grego (484 a.C.-420 a.C.). Considerado precursor dos historiadores, é autor da primeira grande narrativa histórica do mundo ocidental antigo – por isso Cícero o chama de pai da história. Nasce, provavelmente, em Halicarnasso, cidade grega da Ásia Menor, hoje Bodrum, na Turquia. Viaja bastante e conhece Egito, Líbia, Síria, Babilônia, Lídia e Frígia. Participa da fundação de Túrio, colônia grega no sul da Itália (443 a.C.). Escreve Historíai (Histórias), série de monografias em que relata as Guerras Médicas, entre gregos e persas. A obra está classificada em nove livros. Os cinco primeiros descrevem o Império Persa, e os demais abordam as guerras. As histórias são narradas na primeira pessoa e intercaladas com diálogos entre os principais personagens. Heródoto expõe os fatos sem muita preocupação em comentá-los. Mesmo assim, exalta os feitos de seus conterrâneos. O episódio final da narrativa mostra a rivalidade entre as cidades-estados de Atenas e Esparta, que leva à Guerra do Peloponeso (431 a.C.). Morre em Túrio.

tags:
publicado por LUCIANO às 04:20