MANUEL LUÍS OSÓRIO

Militar gaúcho. Um dos mais importantes membros do Exército imperial, participa da Revolta dos Farrapos e da Guerra do Paraguai. Manuel Luís Osório (10/5/1808-4/10/1879) nasce na vila de Nossa Senhora da Conceição do Arroio, hoje Osório. Em 1824 torna-se cadete do Exército, entrando para a Cavalaria. Luta na Guerra da Cisplatina, em 1825, e destaca-se por sua atuação na Batalha de Sarandi. É o único de seu regimento a sobreviver. Durante a Revolta dos Farrapos (1835-1845) comanda a Cavalaria em Bagé (RS), combatendo os rebeldes. Em 1851 participa da invasão do Uruguai na campanha contra Manuel Oribe e no ano seguinte comanda a tropa brasileira contra o ditador argentino Juan Manuel Rosas. Integra a guarda de dom Pedro II e, em 1845, é eleito deputado pelo Rio Grande do Sul. Ao lado do duque de Caxias, participa da luta contra a Argentina pelo domínio da região do Prata, tendo grande atuação na Batalha de Monte Caseros, em 1852. É promovido a coronel e, na Guerra do Paraguai (1865-1870), a marechal-de-campo, sendo o primeiro integrante do Exército brasileiro a entrar no país inimigo. Em 1868 recebe o título de visconde e, em 1869, o de marquês de Erval. Elege-se senador do Rio Grande do Sul pelo Partido Liberal em 1877. É nomeado ministro da Guerra em 1878 e morre no ano seguinte, no Rio de Janeiro.



publicado por LUCIANO às 18:05